slogan2018

Sexta, 07 Junho 2019 17:47

5ª FAVESU atrai mais de 2.500 pessoas em Venda Nova do Imigrante

WhatsApp Image 2019 06 06 at 09.37.02

 

A 5ª Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba (FAVESU), que terminou na última quinta-feira (06), no município de Venda Nova do Imigrante, atraiu mais de 2.500 pessoas em dois dias de evento.

 

 

Realizada pela Associação dos Avicultores do Estado do Espírito Santo (AVES) e Associação de Suinocultores do Espírito Santo (ASES), a feira é o principal ponto de encontro de produtores, gestores, empresários, técnicos, acadêmicos, fornecedores e demais envolvidos diretamente na cadeia produtiva de aves e suínos, além do público consumidor.

 

 

Os dois setores são de suma importância para a economia capixaba. Segundo dados do Censo Agropecuário 2017, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o ano de 2017 se comparado ao de 2006 teve um crescimento de 115% na produção de galinhas e na de ovos 174%. Números bem acima da média no país e demais estados produtores.

 

 

Entre 2017/2018 a suinocultura teve o faturamento médio de R$ 161,478 milhões. O setor empregou diretamente 4.500 pessoas e indiretamente 15 mil. A produção média mensal é de 23.239 suínos. O município de Cachoeiro de Itapemirim tem atualmente a maior produção, sendo de 36,18%.

 

 

A feira também foi uma boa oportunidade para a realização de novos negócios e aprimoramento de atividades para suinocultura e avicultura contando com a presença de mais de 70 empresas em 43 estandes. O evento contou com a premiação de trabalhos científicos relacionados à área de aves e suínos.

 

 

O evento feira recebeu pessoas de todo o Brasil e contou com a presença do governador do Estado, Renato Casagrande. “É um importante momento para a troca de informações e para adquirir conhecimento técnico”, disse o governador em visita à FAVESU.

 

 

O secretário estadual de agricultura, Paulo Foletto, também reforçou o papel da feira para o Espírito Santo. “A FAVESU apresenta aos produtores muitas inovações, o que é de grande importância, já que o Estado tem grande representatividade nos setores de suinocultura e avicultura do país”, afirmou.

 

 

Espaços para ciência e gastronomia

Além da oportunidade de negócios, o evento também teve um espaço dedicado ao incentivo às novas ideias para os dois setores que a realização e as premiações dos trabalhos científicos.

 

 

A culinária também esteve representada por meio do espaço gourmet, que conduzido pela chef Gilson Surrage e nutricionista Gleiciane Nunes apresentou os benefícios dos ovos e carnes de frango e suína por meio de deliciosas receitas.

 

 

Concurso de ovos

Além de palestras, Espaço Gourmet, estandes e Reunião Conjuntural, foram realizados o 3º Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba e o 5º Concurso de Qualidade de Ovos Coopeavi.

 

 

Os primeiros colocados dos concursos de ovos vermelhos e brancos têm o direito de utilizar um selo em suas embalagens com os dizeres: "Melhor ovo do Espírito Santo - Campeão do Concurso Capixaba de Qualidade de Ovos 2019", referenciando o 3º Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba, além de terem recebido um certificados alusivo aos concursos.

 

 

Já os três primeiros colocados do 5° Concurso de Qualidade de Ovos Coopeavi receberam uma premiação em dinheiro, sendo o 1º lugar R$ 2.000,00, 2º lugar R$ 1.500,00 e 3º lugar R$ 500,00.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.